Olá. Hoje é um sábado muito especial para a PdD. Além do lançamento da nossa primeira exposição 100% virtual – consequência dos novos tempos – hoje é também o dia da bordadeira.

Para homenageá-las, apresentaremos para vocês os bordados de Gaby Aragão. Quando conheci o trabalho dela, o foco de suas peças era a cidade de Belo Horizonte e seus pontos mais marcantes. Imediatamente me encantei, pelos trabalhos e por sua história.

“Comecei a bordar quando quebrei o pé e tive que ficar vários dias de molho em casa sem conseguir sair. Com o tempo, o que era uma distração virou paixão, e como o que fazemos com amor, fazemos melhor, virou meu trabalho.

Com a pandemia, me vi de novo em casa (desta vez, ainda mais imóvel). Continuei bordando as cidades, uma forma de não esquecer do mundo lá fora. Mas ao mesmo tempo, comecei a olhar para dentro de mim e da minha própria casa. O resultado foi a coleção “Sinta-se”, que tem como referências as colagens que minha mãe (que era artista plástica) e minha cadeiras, que não veem a hora de receber as visitas que tanto gostam. #fiqueemcasa.

Cantinhos floridos que alegram e trazem esperança nestes tempos difíceis”.

Afeto e um pouco de delicadeza para o nosso sábado! Esperamos que vocês gostem!