No próximo sábado, dia 09 de fevereiro, receberemos a primeira edição do Bordando no Banquinho PdD de 2019. Você que gosta de bordado e que acompanha a papelaria nas redes sociais, muito provavelmente já participou do evento aqui conosco, ou já se deparou com as imagens de nossas deliciosas manhãs de sábado. Mas afinal, você sabe como nasceu o Bordando no Banquinho?

Bom, a origem de nossa gentileza urbana, provavelmente, você já conhece, certo? Mas não custa relembrar. O Banquinho PdD nasceu da seguinte combinação: O propósito de promover encontros e trazer afeto e delicadeza para a vida das pessoas (clientes da papelaria e os passantes da região da Savassi), a ideia de oferecer um espaço de fomento e valorização de produtos culturais e de artistas locais e da sorte de termos, em frente à papelaria, uma linda árvore!

Pois bem! Um tempinho depois do espaço criado, estávamos eu e minha querida amiga e coordenadora do projeto Meninas do Cafezal, Cássia Duarte, conversando sobre a grande revalorização do bordado como manifestação artística e cultural pelo mundo nos últimos anos. Durante a conversa, ela me relatou que estava acompanhando o surgimento, no exterior, de projetos que levavam as  pessoas a se reunir para bordar em praças e espaços públicos.

Na mesma hora, me encantei pela ideia e percebi que, o nosso Banquinho, seria um espaço perfeito para replicá-la por aqui. A adesão foi grande e imediata! Logo na primeira edição, diferentes grupos de bordadeiras abraçaram o projeto e trouxeram o seu talento e criatividade para bordar conosco. Daí em diante, foram diversas edições, oficinas, temas, homenagens, varais de exposição, ideias trocadas e linhas e tecidos trabalhados! E o Bordando no Banquinho acabou virando uma marca registrada da PdD (e um evento mensal).

Se você ainda não faz parte dessa história, está mais do que convidado para conhecer e participar do evento deste sábado! E para aqueles que frequentam o Bordando no Banquinho regularmente, será uma grande alegria receber você por aqui novamente!