Agosto é o mês de aniversário da PdD. Em 2018, celebraremos oito anos de loja, com muitos projetos realizados, várias boas histórias, diversas parcerias construídas pelo caminho e claro, muitos novos sonhos. E para marcar este momento especial, convidamos um parceiro querido que possui forte ligação com a trajetória da loja para compor a nossa nova vitrine, o designer Matheus Dias.

Matheus foi um dos sócios do Estúdio Vorko, ao lado de Daniel Gonçalves e Lucas Carvalho e teve uma participação ativa no projeto PdD desde o comecinho. “Conheci a Patrícia quando a loja era ainda um embrião. Ela sempre foi uma cliente muito diferente, que comprava e acreditava em todas as nossas ideias. Acho que é por isso que deu tudo tão certo. Às vezes, me assusta a loja já estar comemorando seus 8 anos”, conta ele.

Formado em Design Gráfico pela FUMEC, Matheus relata que carrega consigo um interesse por tudo o que é visual desde que se entende por gente. O apreço pela experimentação também vem dos primórdios de sua atuação. “Sempre quis experimentar tudo quanto é técnica, mesmo não sendo necessariamente bem sucedido em todas elas. Rapidamente comecei a entender que meu trabalho teria a ver com desenho, não sabia se era ilustração, estampa, pintura, ou design. Na verdade entrei no curso de design sem saber muito bem do que se tratava. Descobri que foi ótimo por me dar uma base de projeto, a criação com começo meio e fim, com propósito e aplicações específicas”.

Nos últimos anos, os caminhos profissionais tomaram novos rumos. Ao deixar de acreditar no propósito de projetos ligados à grandes empresas e focados exclusivamente no lucro, o designer decidiu se reinventar. “A busca por lucro e a expectativa pelo retorno criam uma pressão muito grande pra criação, passei a acreditar que isso não funciona”. No processo de redescoberta, se deparou com a tatuagem, que hoje virou sua principal forma de manifestação artística e renda. “A tatuagem surgiu como uma brincadeira e hoje é minha fonte de renda”, relata.

O convite para compor a nossa vitrine, no entanto, veio de encontro com o momento artístico vivido por ele. “Gosto de criar em vários suportes, estava sentindo falta de experimentar outros traços, outras proporções, por isso agora estou usando meu tempo livre pra criar murais, onde posso abusar das cores e proporções muito diferentes da tatuagem”.

Para produzir o lindo trabalho, o designer buscou referências em uma de suas grandes inspirações, a natureza. “A ideia para o projeto foi criar flores únicas com inspiração em flores reais, mas sem querer retratar nenhuma especialmente. A natureza sempre foi uma inspiração muito grande, a variedade de texturas, cores, formatos, as composições que surgem naturalmente, tudo isso me deixa muito inspirado”.

Aqui na PdD, estamos todas encantadas com o resultado final do projeto. Se você quer conferir o lindo mural produzido por Matheus, ele ficará em exposição por aqui ao longo de todo o mês de agosto. Venha nos fazer uma visita!